BOLSA FAMÍLIA 2017: Troca de Escola de Crianças

O programa Bolsa Família 2017 continuará beneficiando milhares de brasileiros como vem fazendo nos últimos anos. Quem participa do programa precisa saber que a troca de escola das crianças deve sempre ser informada. Se você quiser saber melhor sobre essa e outras regras do Bolsa Família 2017, é só ler esse post até o final.

BOLSA FAMÍLIA 2017

BOLSA FAMÍLIA 2017

Informações divulgadas pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) dizem que todas as famílias que possuem crianças com idade de 6 a 17 anos e que participarão do Bolsa Família 2017 precisarão comunicar ao CRAS (Centro de Referência e Assistência Social) se uma ou mais dessas crianças forem mudar de escola. Conheça também outras mudanças do Bolsa Família 2017, clique aqui.

BOLSA FAMÍLIA 2017: Por Que é Preciso Informar a Trocar de Escola?

Um dos requisitos de permanência no programa é manter uma frequência escolar aceitável de todas as crianças da família. Quem tem de 6 a 15 anos precisa obter um percentual mínimo de 85% de frequência. Já os adolescentes de 16 e 17 anos precisam obter um percentual mínimo de 75% de frequência.

Para comunicar a alteração, basta procurar o CRAS de seu município. Dessa forma, o governo poderá continuar acompanhando e monitorando essa frequência.

Se a troca de escola de crianças do Bolsa Família 2017 não for realizada, a família pode ser prejudicada por não cumprir uma das regras determinadas para o recebimento do benefício e pode, até, perder o direito ao mesmo.

As estimativas são de que mais de 16 milhões de alunos são monitorados por bimestre. Cerca de 95% dos jovens atingem as porcentagens mínimas de frequência escolar.

Os diretores do programa Bolsa Família afirmam que o intuito desse monitoramento não tem caráter punitivo uma vez que visa garantir que todos os jovens tenham acesso à educação e consigam concluir a educação básica.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Todas as famílias beneficiadas pelo programa Bolsa Família 2017 que não forem capazes de manter seus filhos na escola receberão um atendimento da rede socioassistencial mais próxima a fim de tentar identificar os motivos do afastamento.

Sendo possível ou não regularizar a situação, a família terá o caso registrado no Sistema de Condicionalidades do Programa Bolsa Família (Sicon) e será avaliado se a mesma continuará recebendo o benefício.

Bolsa Família 2017: Quais Outras Mudanças Precisam Ser Informadas?

Antes de receber o benefício do Bolsa Família, é preciso inscrever-se no Cadastro Único. Esse, por sua vez, é a base de diversos programas sociais que contém todas as informações das famílias em situação de vulnerabilidade.

É necessário que os seus dados no Cadastro Único estejam sempre atualizados. Outras mudanças também precisam ser informadas ao CRAS. Confira:

  • Alteração de endereço;
  • Alteração de telefone;
  • Qualquer tipo de mudança na constituição da sua família como uma adoção, um nascimento, um casamento, uma separação ou uma morte.

3

Bolsa Família 2017: Como Encontrar um CRAS?

Para que o Cadastro Único esteja sempre atualizado e você possa continuar recebendo os benefícios do Bolsa Família 2017, você precisa dirigir-se ao CRAS mais próximo de você.

Encontre a unidade mais próxima consultando o mapa nesse site.

Basta clicar no seu estado, depois selecionar seu município e depois clicar em Unidades Públicas da Rede de Proteção Social Básica (CRAS) para visualizar a listagem completa.

Avalie Este Artigo Agora

One thought on “BOLSA FAMÍLIA 2017: Troca de Escola de Crianças

  1. Alessandra

    Boa noite preciso tira minha enteada e a filha dela do meu cadastro. Mais não quero perder meu benefício. Eu posso coloca meu primo e o meu sobrinho. No meu cadastro.?

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *